Fórum de Matemática
DÚVIDAS? Nós respondemos!

Um Fórum em Português dedicado à Matemática
Data/Hora: 02 dez 2020, 07:03

Os Horários são TMG [ DST ]




Fazer Nova Pergunta Responder a este Tópico  [ 4 mensagens ] 
Autor Mensagem
MensagemEnviado: 18 Oct 2017, 22:21 
Offline

Registado: 17 set 2017, 20:15
Mensagens: 16
Localização: Poços de Caldas
Agradeceu: 9 vezes
Foi agradecido: 1 vez(es)
1) Dada a equação de uma reta r, sabe-se que por meio desta equação é possível obter todos os pontos pertencentes a esta reta. Considerando o fato de que a equação vetorial de uma reta pode ser obtida por meio de dois pontos A e B pertencentes à reta, descreva como seria possível obter as coordenadas de dois pontos intermediários equidistantes entre os pontos A e B. De um exemplo prático e calcule as coordenadas de três pontos intermediários equidistantes, definindo as coordenadas dos pontos A e B pertencentes a uma reta. Considere como coordenadas (4, 9, 2) do ponto A e como coordenadas (6,1, 1) do ponto B .


2) Dada a equação de um plano, sabe-se que por meio desta equação é possível obter todos os pontos pertencentes ao plano. Considerando o fato de que é possível representar o plano limitado de uma parede através de condições e da equação vetorial de um plano definido através de três pontos A, B e C pertencentes ao plano, e que no caso da parede, esses pontos corresponderiam a 3 vértices limítrofes da parede, descreva como seria possível verificar por meio da equação paramétrica do plano se um ponto P de coordenadas (x, y, z) faz parte da parede. De um exemplo prático e calcule as coordenadas de dois pontos P (pertencentes à parede) e Q (fora da parede), definindo as coordenadas dos pontos limítrofes A, B, C da parede. Neste exercício, considere como coordenadas (4,9,2) do ponto A e defina as coordenadas dos pontos B e C de acordo com o que for conveniente para responder a questão.


3) Dadas duas paredes, P1 e P2, faça considerações a respeito do cálculo de distância entre os planos das duas paredes.


Topo
 Perfil  
 
MensagemEnviado: 21 Oct 2017, 02:10 
Offline

Registado: 19 Oct 2015, 13:34
Mensagens: 929
Localização: Rio de Janeiro
Agradeceu: 9 vezes
Foi agradecido: 274 vezes
\(A-------P_1-------P_2-------P_3-------B\)

vetor AB dividido em 4 segmentos equidistantes

\(A(4,9,2)
\vec{AB}=(2,-8,-1)\)

eq. parametrica da reta:
\(r:\left\{\begin{matrix}
x= & 4 & +2\lambda\\
y= & 9 & -8\lambda\\
z= & 2 & -\lambda
\end{matrix}\right. \forall \lambda\in \mathbb{R}\)

obtemos os pontos intermediários equidistantes, fazendo:
para
\(P_1
\lambda=\frac{1}{4}\)
para
\(P_2
\lambda=\frac{2}{4}\)
para
\(P_3
\lambda=\frac{3}{4}\)

_________________
Vivemos em um mundo onde toda informação é falsa até que se prove o contrário.
A Verdade está a caminho.


Topo
 Perfil  
 
MensagemEnviado: 21 Oct 2017, 18:24 
Offline

Registado: 17 set 2017, 20:15
Mensagens: 16
Localização: Poços de Caldas
Agradeceu: 9 vezes
Foi agradecido: 1 vez(es)
Jorge Luis você quem definiu os valores de lambda??


Topo
 Perfil  
 
MensagemEnviado: 21 Oct 2017, 19:59 
Offline

Registado: 19 Oct 2015, 13:34
Mensagens: 929
Localização: Rio de Janeiro
Agradeceu: 9 vezes
Foi agradecido: 274 vezes
lais,
são 4 segmentos equidistantes, logo, cada ponto P(x,y,z) representa uma parte de 4.
ou seja, são valores atribuídos pela lógica.

_________________
Vivemos em um mundo onde toda informação é falsa até que se prove o contrário.
A Verdade está a caminho.


Topo
 Perfil  
 
Mostrar mensagens anteriores:  Ordenar por  
Fazer Nova Pergunta Responder a este Tópico  [ 4 mensagens ] 

Os Horários são TMG [ DST ]


Quem está ligado:

Utilizadores a ver este Fórum: Nenhum utilizador registado e 3 visitantes


Criar perguntas: Proibído
Responder a perguntas: Proibído
Editar Mensagens: Proibído
Apagar Mensagens: Proibído
Enviar anexos: Proibído

Pesquisar por:
Ir para: